Quanto Tempo Vive Um Cachorro?

PrevisãO O Do Tempo – https://Ukads.net/user/profile/482572;

Temperatura despenca quase 18 graus e previsão aponta ...Note-se: não há discordância sobre a utilidade de aprimoramento da lei. Com clareza: o Brasil não precisa, nesta altura, de extirpar mecanismos destinados a velar pelo cuidado dos agentes públicos com o patrimônio público e social, dos quais a Lei 8429/92 é um excelente exemplo. Aperfeiçoamento não é sinônimo de eliminação. O substitutivo exclui a tipificação do ilícito no caso de atuação decorrente de “divergência interpretativa da lei, baseada em jurisprudência ou em doutrina, ainda que não pacificadas, mesmo que não venha a ser posteriormente prevalecente nas decisões de órgãos de controle ou dos Tribunais do Poder Judiciário” (artigo 1º, §8º, da lei, redação do substitutivo). O fiel da balança, contudo, recomenda equilíbrio. Soluções ruins quanto a ambos inviabilizarão a tutela da do patrimônio público. A Lei 8429/92 tem aspectos de Direito material (conceitos, delimitação do alcance, tipificação de condutas e sanções) e de Direito processual (referentes às investigações dos atos ilícitos e aos processos judiciais). Vamos aos pontos negativos do texto, indicados em caráter exemplificativo.

Campanha Eficiente: O valor do tempo - Aqui tudo é políticaTomando um manual de psicopatologia, vemos que o não-compartilhamento social das orientações de tempo e espaço é considerado como uma “alteração da orientação” e, portanto, indício de alguma enfermidade psíquica (Paim, 1982). A orientação temporal indica se o sujeito sabe em que momento cronológico está vivendo, a hora do dia, se é de manhã ou de tarde, qual o dia do mês e do ano. Viver neste mundo é estar em uma relação de controle do tempo. Isso, na prática, implica em um dever de viver intensamente, mas sem sucumbir à sedução do presente. Eis o caráter coercitivo do tempo. Ainda de acordo com o autor, a semiotécnica da orientação temporal consiste das seguintes perguntas que começam do “mais fácil” para o “mais difícil”: “Que dia é hoje?”; “Qual o dia da semana?”; “Em que mês estamos?”; “Qual a época do ano?”; “Aproximadamente que horas são agora?”. Dalgalarrondo (2008) diz que a orientação temporal é a mais fácil e mais rapidamente prejudicada pelos transtornos mentais e distúrbios neuropsicológicos.

Parágrafo único. A primeira via da fôlha ou ficha de declarações será enviada ao Departamento Nacional de Mão-de-Obra, para fins de contrôle e estatística. Art. 20 – As anotações relativas a alteração do estado civil e aos dependentes do portador da Carteira de Trabalho e Previdência Social serão feitas pelo Instituto Nacional de Previdência Social (INPS) e somente em sua falta, por qualquer dos órgãos emitentes. Art. 21. Esgotando-se o espaço da Carteira Profissional destinado às anotações, o interessado deverá obter outra, também gratuitamente, observadas as disposições anteriores, devendo constar da nova o número e série da Carteira Profissional anterior. Art. 21. Tornando-se imprestável pelo uso a carteira primitiva, ou esgotando-se o espaço na mesma destinado à anotação, o interessado deverá obter outra, observadas as disposições anteriores e mediante pagamento da taxa de cinco cruzeiros, devendo constar da nova o número o a série da carteira anterior. § 1º No caso de extravio por parte do possuidor, a taxa a que se refere este artigo será exigido em dobro, cobrando-se, daí por diante, vinte cruzeiros de cada carteira nova.

Tal analogia estende-se também para a altura, largura e profundidade ao considerar-se a noção de espaço, ou os estados sólido, líquido ou gasoso ao considerar-se a matéria. Certamente, se você não é mais uma criança, você já assistiu o filme Back to the Future, dirigido por Robert Zemeckis, e estrelado por Michael J. Fox, no papel de Marty McFly, e por Christopher Lloyd, no papel do Emmett Brown. A possibilidade de um viajante voltar ao passado e deste matar seu avô antes de sua concepção leva a questionamentos que, mais do que a viagem no tempo – algo de certa forma já concebível pela ciência moderna, a exemplo o paradoxo dos gêmeos, que traz à tona uma “viagem ao futuro” – cativa aficionados pelo assunto mundo afora. Efeito borboleta. A mistura entre a possibilidade de viagem no tempo e as consequências de outra teoria científica, a teoria do caos, faz do mesmo um filme que não pode deixar de ser visto por pessoas interessadas no assunto.

A força própria da arte é a capacidade de compor mundos que ativam uma espécie de acontecimento-tempo geológico – uma camada, um composto de tempo-sentido. Há algo sentido – “você passa por uns instantes de inframice” – que não pode ser propriamente atribuído à percepção. Em outro trabalho, eu me referi a isso como a arte do tempo, a capacidade da arte de tornar sensível, através da força da intuição, a complexidade do tempo. Isso porque não é “você” quem passa por algo, mas o plano que sente a si mesmo na passagem, que sente a co-composição do campo relacional com o plano adjacente, que sente as camadas de duração pela qual a distinção tanto de sua planidade (plane-ness) quanto de sua adjacência não é possível. “Apenas toque. Ao tentar colocar uma superfície plana / precisamente sobre outra superfície plana, / você passa por uns instantes de inframince” (DUCHAMP apud PERLOFF, p. 102). Quando escreve isso, Duchamp indica que existe um tocar na arte do tempo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *